Alipay em dificuldades por causa do governo chinês

Alipay, o serviço de pagamento do Alibaba está em plena batalha com o governo chinês. Há alguns meses, a China vive num caos devido às diversas medidas que o governo está a impor para restringir a atuação de grandes empresas do setor de tecnologia.

A última a sofrer um forte golpe foi a Alipay, de propriedade do Ant Group, após receber o pedido de reestruturação da empresa. O Partido Comunista Chinês fortalecerá o seu controlo ao entrar na empresa através de empresas estatais e bancos que deterão uma percentagem das ações. Para além disso, Alipay terá que pagar uma multa de 2,8 biliões de dólares.

O que deveria ter começado como medidas para evitar o monopólio, está a ser uma estratégia do governo para entrar em diferentes setores. No caso da Alipay, o objetivo é entrar no setor de crédito e microcrédito e, ao mesmo tempo, ter acesso aos dados de clientes da empresa

Qual o interesse do governo na Alipay?

A Ant Financial oferece biliões em empréstimos a pessoas físicas e jurídicas. Assim, Alipay controla um dos maiores ecossistemas financeiros da China.

A app Alipay possui mais de um bilião de utilizadores e posiciona-se como um dos sistemas de pagamento mais utilizados do país. Um dos negócios com maior crescimento está na concessão de crédito, por isso recebe tanta atenção do governo chinês. 

Esta empresa está dividida em duas:

  • Huabei para obter um tipo de cartão de crédito. 
  • Jiebei é um sistema popular para pequenos empréstimos. 

Uma das grandes vantagens que os consumidores que utilizam o serviço de crédito Ant possuem é a facilidade de fazer o processo totalmente online e que a avaliação do crédito é avaliada em segundos. No ano passado, a empresa registou um em cada dez novos empréstimos não garantidos no país.

Os empréstimos também serão fiscalizados pelo governo

Os reguladores chineses ordenaram que o Ant Group separe o back-end dos seus dois negócios de crédito, Huabei e Jiebei, numa nova entidade, e atraia acionistas externos. Isso permitirá que entre no sistema de crédito e conheça o seu funcionamento para preparar o seu futuro sistema de crédito social, com o objetivo de recompensar as pessoas pelo seu bom comportamento e puni-las quando se comportarem mal.

Agora, a Ant entregará os dados do utilizador nos quais as suas decisões de crédito se baseiam para uma nova empresa de classificação de crédito separada, que seria parcialmente estatal

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada.

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba