Grupo Alibaba apresentou os seus resultados do último ano fiscal e revela uma queda de 59% nos lucros líquidos

O Grupo Alibaba apresentou os seus resultados do último ano fiscal, onde se verificou que a empresa, assim como muitas outras empresas do setor, não atravessa o seu melhor momento. 

Entre os resultados, pode-se observar uma queda de 59% nos lucros líquidos, onde atingiram 9.774 milhões de dólares. Era de se esperar uma queda, já que nos últimos meses tiveram que enfrentar as multas do governo chinês impostas às empresas de tecnologia do país.

No entanto, a receita subiu para US$ 134,567 milhões, um aumento de 19% ano a ano. Isso deve-se ao crescimento do comércio eletrónico na China (18%), favorecido pelas novas restrições causadas por um novo surto de COVID-19. Outras linhas de negócios que tiveram resultados muito bons para a empresa são o segmento de cloud com 23% (11.763 milhões de dólares) e o segmento de comércio internacional com 25% (9.635 milhões de dólares).

O Alibaba atingiu a meta de atender 1 bilião de consumidores ativos anuais na China no último trimestre e atingiu um recorde de RMB 8.317 milhões em VGM global para o ano fiscal. Apesar dos desafios que afetam as cadeias de suprimentos e o sentimento do consumidor, continuamos a focar-nos na proposta de valor do cliente e na construção de recursos para entregar valor. Vimos um progresso tangível nos nossos negócios, especialmente melhorias operacionais nas principais áreas estratégicas“, disse Daniel Zhang, presidente e CEO do Alibaba Group .

Por outro lado, o diretor financeiro do Alibaba Group, Toby Xu, também quis compartilhar os seus sentimentos sobre o ano encerrado pela empresa: «Obtivemos resultados saudáveis ​​neste trimestre com crescimento de receita de 9% ano-a-ano. A receita total do ano fiscal cresceu 19% ano a ano, apesar de um ambiente macro desafiador. Os nossos investimentos contínuos em iniciativas estratégicas geraram um impulso de crescimento promissor e uma eficiência operacional aprimorada .”

Alibaba fechou o último trimestre com:

  • Perdas de 2.274 milhões de dólares;
  • Aumento nas vendas de 9%, para 28.575 milhões de dólares.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Scroll to Top