Setor da educação continua a ser alvo dos hackers: a migração digital aumentou as vulnerabilidades

A pandemia afetou drasticamente o setor da educação, forçando as instituições a acelerar a sua digitalização, de forma a manter um certo grau de normalidade na sua atividade e permitir à sociedade o acesso aos seus serviços.

Esta migração tecnológica colocou um novo desafio em termos de cibersegurança, salientando a necessidade de enfrentar os riscos colocados pela nova normalidade. Nos últimos seis meses de 2021, caracterizou-se por um aumento preocupante das suas vulnerabilidades e dos ciberataques.

A S21sec publicou o seu relatório semestral, Threat Landscape Report, que fornece uma visão geral das ameaças mais relevantes na segunda metade de 2021. Este estudo mostra que o setor da educação tem sido um dos mais afetados nos últimos seis meses do ano em termos de ciberataques.

Os ataques a este setor têm sido muito frequentes porque tiveram de fornecer praticamente educação online a partir do zero devido à pandemia, através de plataformas de videoconferência como o Zoom, que também sofreram ataques.

Hugo Nunes, responsável da equipa de Intelligence S21sec.

As organizações relacionadas com o setor da edução enfrentam uma série de premissas que as tornam suscetíveis a ciberataques:

  • Utilização de tecnologias vulneráveis, como por exemplo a plataforma de videoconferência Zoom ou o software de apoio à aprendizagem Moodle, amplamente utilizados no ensino online;
  • Sistema desatualizados e com soluções de defesa débeis;
  • Comunidades de utilizadores com falta de conhecimento sobre cibersegurança, que tornam as organizações em alvos de ataque.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada.

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba