Alphabet, detentora da Google, aumentou a sua receita em 41% em relação ao ano anterior

A detentora da Google encerrou 2021 com ótimos resultados. A Alphabet alcançou uma receita de 257,6 biliões de dólares, o que equivale a um aumento de 41% em relação ao ano anterior. O crescimento foi impulsionado principalmente pela receita publicitária da Google com a venda de espaço em diferentes plataformas online, que representa 80% do total de vendas.

Apenas a publicidade da Google cresceu 42,5% em relação a 2020: passando de 146,9 biliões de dólares para 209,5 biliões de dólares. No entanto, a publicidade no YouTube também teve bons resultados atingindo 28.800 milhões de dólares, um aumento de 45,8% .

Tudo isso desencadeou o seu preço no mercado, subindo 8,5%, para 2.990 dólares por ação. Isso obrigou a empresa a realizar um ‘split’ das suas ações, dividindo cada uma das atuais em vinte novas para facilitar a sua venda e compra.

Philipp Schindler, vice-presidente sénior e diretor de negócios Google, afirmou que esse crescimento foi impulsionado por “uma força ampla nos gastos dos anunciantes e uma forte atividade online do consumidor. No quarto trimestre, o retalho foi novamente, de longe, o maior contribuinte para o crescimento ano a ano no nosso negócio de publicidade. Finanças, media, entretenimento e viagens também foram os principais contribuintes.”

Google Cloud ainda representa perdas

Enquanto os negócios de publicidade da empresa estão a gerar resultados positivos, o negócio de nuvem da Alphabet, o Google Cloud , acumulou 890 milhões de dólares em perdas operacionais ao mesmo tempo. No entanto, é verdade que as perdas do Google Cloud diminuíram em relação a 2020, quando eram 1.243 milhões de dólares.

Durante a apresentação, Ruth Porat, CFO da Alphabet e Google, tentou explicar porque continuam a apostar no negócio: «Embora a perda e a margem de exploração da nuvem tenham melhorado em 2021, planeamos continuar a investir agressivamente na nuvem, dada a significativa oportunidade de mercado que vemos. Continuamos concentrados no caminho a longo prazo para a rentabilidade e, com o tempo, a perda operacional e a margem operacional deverão beneficiar de uma maior escala».

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada.

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba