Avaliações, a principal fonte de informação para potenciais compradores

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Comprar online tem muitas vantagens. Oferece oportunidades que de outra forma não seriam possíveis. Aproxima a marca dos clientes, eliminando barreiras geográficas, físicas e temporais.  Podemos escolher entre uma gama muito maior de produtos e comparar preços entre dezenas de fornecedores. 

No entanto, uma das grandes desvantagens de solicitar produtos online é que os clientes não podem «sentir» o produto.

O tamanho é grande, a cor do sofá combina bem com o meu tapete, o material é de alta qualidade? Para encontrar respostas a essas e outras perguntas, os clientes hoje têm uma variedade de fontes de informação à mão. A associação digital alemã Bitkom fez um estudo sobre quais as fontes de informação que os compradores alemães usam antes de fazer uma compra online.

Fonte: Bitkom

Os dados da pesquisa mostram que a maioria dos consumidores descobre um produto através de uma fonte online. Assim, 4 das 5 principais fontes de informação são digitais. As opiniões de amigos e familiares são uma exceção. Especificamente, contam com eles para as suas decisões de compra.

No entanto, a principal fonte de informações para compradores em potencial são as avaliações dos clientes. 55% leem comentários de outros clientes antes de decidirem se querem ou não comprar um produto. Olhando para os dados demográficos, destaca-se que as avaliações dos clientes são especialmente populares como fonte de informação entre os compradores mais jovens.

Fonte: Bitkom

Na faixa etária dos 16 aos 29 anos, 66% dos entrevistados afirmam recolher informações sobre um produto através de análises onlineQuanto mais velho o comprador, menos verifica as avaliações online antes de fazer uma compra. Na faixa etária de 65 anos ou mais, apenas 40% têm a opinião de outros compradores quando decidem comprar ou não um produto. Uma tendência que também é visível nas redes sociais como fonte de informação.

Se para os mais jovens alemães recolher informações sobre os produtos antes da sua aquisição é fundamental, para o consumidor chinês é essencial. O cliente chinês é considerado um consumidor crítico, até mais do que o consumidor alemão.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba