A rede social Facebook é bem conhecida de todos e oferece várias ferramentas que permitem ajudar comerciantes e utilizadores nas vendas online, entre elas estão o Facebook Shops e os Marketplaces. De seguida deixamos 4 ferramentas que permitem às marcas vender no Facebook.

É uma experiência simples e consistente, (…) o que significa que é mais fácil para as pessoas”, afirmou Mark Zuckerberg numa transmissão em direto no Facebook. “É claro que isso significa que haverá mais conversões e mais vendas para pequenas empresas.”

1. Lojas do Facebook

Se pretende criar um público, expandir a marca e aumentar as vendas, o Facebook Shops é uma mais valia. Com as Lojas do Facebook, os comerciantes podem configurar uma loja online totalmente funcional localizada diretamente na sua página do Facebook. 

Assim, o cliente não precisa de sair da página do Facebook para comprar o produto.

Imagem

2. Marketplace do Facebook 

O Facebook Marketplace foi originalmente configurado como uma ferramenta de vendas consumidor a consumidor (C2C), permitindo os utilizadores publicarem os seus anúncios classificados e organizados, facilitando trocas diretas de produtos e pagamentos.

Imagem

Embora seja ainda utilizado desse modo, o Facebook acrescentou alguns recursos, tais como o check-out no local e opções de envio para atender às necessidades de pequenas empresas.

Em 2019 foram partilhados dados internos do Facebook e estes indicavam uma grande oportunidade Business to Consumer (B2C) e por essa razão o Marketplace continuará a lançar recursos que orientam o utilizador para negócios de comércio eletrónico.

3. Grupos de compra e venda do Facebook

Algo que também é notório, é que as transações C2C são mais comuns entre os grupos de compra e venda do Facebook.

Os grupos do Facebook podem ativar o recurso de compra e venda e acrescentar filtros, que permitam definir a localidade, entre outros, … de modo a facilitar a compra e venda.

Imagem

Para os comerciantes, os grupos de compra e venda não devem ser a principal forma de venda no Facebook, porém são uma boa ajuda para construir a marca, especialmente a nível local. Através dos grupos, existem várias opções de venda, sejam estas vendas de bilhetes  para concertos e festivais, ou mesmo venda de ovelhas e cabras

4. Compras em direto no Facebook

A transmissão ao vivo também é um método bastante utilizado e prático para vender produtos, pois permite um acesso aos produtos, gratuito e sem necessidade de deslocação por parte do consumidor. O Live Shopping é hoje em dia uma enorme tendência, precisamente pelo facto da sua fácil utilização. 

Imagem

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada.

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba