70% das iniciativas de automação são travadas por questões de segurança e de dados

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A Mulesoft, empresa da Salesforce, acabou de divulgar o mais recente IT and Business Alignment Barometer, revelando que 70% das iniciativas de automação são travadas por questões de segurança e de dados, à medida que as empresas procuram cada vez mais a automação para melhorarem a eficiência e a produtividade.

No entanto, o estudo também revelou oportunidades para as empresas superarem estes desafios para uma inovação mais rápida. As equipas de TI e de negócios, ao trabalharem juntas, podem reduzir ou até mesmo eliminar os silos da organização, reduzindo significativamente o tempo de desenvolvimento de novas soluções.

O relatório mostra ainda que quase 9 em cada 10 (87%) empresas dizem que o alinhamento entre as equipas de TI e de negócios melhorou nos últimos 12 meses, levando a uma série de benefícios, incluindo uma melhor colaboração (64%), eficiência operacional (58%) e melhor experiência do cliente (54%).

O alinhamento entre equipas de TI e de negócios não é apenas um nice to have – mas é essencial para atender à urgência dos imperativos digitais de hoje. Entregar inovação com rapidez requer ativos reutilizáveis e seguros para que a empresa possa auto-servir-se para lançar rapidamente novas experiências digitais, produtos e serviços. A chave para o sucesso futuro das empresas passará obrigatoriamente pela forma como as equipas de TI e de negócios impulsionam as iniciativas de automação e capacitam as equipas para conectarem dados e aplicações de forma segura e sem atrito.

Brent Hayward, CEO da MuleSoft

O imperativo digital aumenta a adoção da automação

Num mundo totalmente digital e onde se trabalha a partir de qualquer lugar, nunca foi tão importante compreender e responder às mudanças na dinâmica do mercado – e nas necessidades dos clientes e funcionários – com velocidade, agilidade e eficiência.

A automação tornou-se um foco crescente para muitas empresas, para aumentarem a conveniência e a velocidade, e reduzirem os custos. O barómetro agora divulgado, revela que:

● A eficiência operacional é a prioridade das empresas: melhorar a eficiência operacional (54%), criar experiências de cliente mais conectadas (50%), melhorar a produtividade (49%), tornar-se mais ágil para mudanças (48%) e tornar-se mais orientado para dados (45%) são as cinco principais prioridades de negócio das empresas.

Automação em todo os locais: 95% das organizações implementaram ou estão em processo de implementação de iniciativas de automação, como processos simplificados de integração de funcionários, para melhorarem a produtividade. 93% vêem a automação como um meio para criarem experiências de cliente mais conectadas e melhorarem a eficiência operacional.

● Equipas de TI lideram as iniciativas de automação: pouco mais de dois terços (67%) das empresas afirmam que suas iniciativas de automação são lideradas pelas equipas de TI (ou seja, conduzidas pelo departamento de TI e pela tecnologia disponível).

Preocupações com segurança e silos de dados desaceleram as prioridades dos negócios

A segurança e governance, juntamente com dados distribuídos em várias aplicações e plataformas, continuam a ser um desafio para as iniciativas de automação e impedem a inovação.

● As preocupações com segurança diminuem o ritmo da inovação: a maioria (87%) dos líderes de TI e de negócios afirmam que as preocupações com segurança e governance estão a diminuir o ritmo de inovação.

● Sistemas díspares causam problemas de segurança: quase três quartos (73%) das organizações afirmam que a integração de sistemas díspares aumentou as suas preocupações em relação à segurança e governance de dados – 31% dizem que houve um aumento «significativo» nas preocupações.

● Organizações ainda temem capacitar utilizadores não técnicos: a maioria das empresas reconhece a necessidade de capacitar equipas de negócios para ajudar a aliviar a tensão operacional de TI. No entanto, a maioria permanece cautelosa sobre as implicações de segurança; 87% admitiram que as preocupações com a segurança os impediam, pelo menos em algum grau, de capacitar utilizadores não técnicos para integrar fontes de dados.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba