Os modelos de atribuição são projetados para ajudar os profissionais de marketing a entender qual a importância que os anúncios da rede de pesquisas têm para o utilizador.

O Google adicionou o YouTube aos seus relatórios de atribuição do Google Ads e está a disponibilizar o seu modelo de atribuição baseada em dados para mais anunciantes.


Estas foram algumas das atualizações de medição que o Google anunciou esta segunda-feira.

Como funcionam os modelos de atribuição no Google Ads?

É importante salientar que os modelos de atribuição no Google Ads consideram apenas cliques e interações em anúncios da rede de pesquisas e de compras.

A Google tem um produto corporativo, o Attribution 360, que analisa dados de conversão de outros canais para modelagem cross-channel e, atualmente, está a ser lançada uma versão gratuita deste produto.

Modelo de atribuição: qual é o melhor para suas campanhas de marketing? |  Web Personalization

Os relatórios de atribuição de redes cruzadas para o YouTube e campanhas de pesquisa estão agora em versão beta aberta no Google Ads. Os anunciantes poderão optar por ver no YouTube os cliques e interações de vídeo nos relatórios de atribuição «Top paths», «Path metrics,» e «Assisted conversions» – Ferramentas > Atribuição.

De acordo com a Google, as campanhas de display serão incorporadas nos relatórios de atribuição nos próximos meses.

O Google vai também relatar os resultados do Search Lift e Conversion Lift, assim que estiverem disponíveis com relatórios diários. Os anunciantes podem fazer a medição do Brand Lift, Search Lift e Conversion Lift na mesma campanha para medir o conhecimento e o interesse na conversão.

Atribuição baseada em dados

O modelo de atribuição baseada em dados da Google foi projetado para medir o impacto dos anúncios na atividade de conversão, comparando o caminho daqueles que se converteram com aqueles que não o fizeram.

Na segunda-feira, a Google anunciou que pode reduzir os requisitos de dados para atribuição baseada em dados a um mínimo de 3.000 interações de anúncios e pelo menos 300 conversões nos últimos 30 dias.

Tal anúncio significa uma grande alteração no sistema dado que diminuiu drasticamente em comparação ao antigo sistema de 15.000 interações de anúncios e 600 eventos de conversão nos últimos 30 dias.

Será possível ver se a opção se encontra disponível se a ação de conversão for elegível para atribuição baseada em dados. Para ver se está disponível e alterar o modelo de atribuição baseado em dados, selecione a conversão que deseja alterar (Ferramentas> Conversões) e poderá aceder às opções disponíveis na seção modelo de atribuição.

YouTube nos relatórios de atribuição Google Ads

O facto de o YouTube, e, eventualmente a rede de display, estarem presentes nos relatórios de atribuição ajudará os anunciantes a perceber como é que as suas campanhas afetam os utilizadores. Esses dados podem então ser usados ​​para estimar os seus orçamentos ou targets de CPA (estratégia Google Ads de licitação inteligente que define licitações para ajudar a obter o maior número possível de conversões ao custo por ação).

Mantenha-se informado das notícias mais relevantes em nosso canal Telegram