A marca de vestuário mais valiosa do mundo, Shein, também tem problemas

A Shein é um mistério. A empresa de moda asiática é desconhecida para muitos, mas bem conhecida para outros. A sua história é tão estranha que ainda não sei muito bem quem é o seu fundador. No entanto, nada disso impediu que o portal Bloomberg calculasse o seu valor em abril de 2022: 100 mil milhões de dólares.

Agora o portal comunica que as coisas não parecem estar a funcionar muito bem na empresa. O seu valor caiu cerca de 30%. Isso fez com que os investidores (incluindo Tiger Global Management, IDG Capital e Sequoia Capital China) ficassem alerta e tentassem vender as suas ações. Algo que pode afetar negativamente a sua intenção de abrir o capital em 2024.

A empresa de moda teve um crescimento de mais de 250% em 2020 e no ano passado o seu crescimento foi de apenas 60%, explicaram algumas pessoas familiarizadas com o negócio à Bloomberg. As vendas naquele ano foram de US$ 16 biliões, acima dos US$ 10 biliões em 2020.

Shein enfrenta muitas controvérsias

Shein é a terceira startup mais valiosa do mundo. Isso significa que não passa despercebida, muito menos as suas inúmeras polémicas. Especialmente aquelas relacionadas ao meio ambiente e à exploração do trabalho.

O TikTok é uma das principais redes sociais que a marca utiliza para se dar a conhecer e é nesta mesma rede social que se tornou viral uma série de vídeos que partilham etiquetas da marca onde está escrito «HELP». Isto tem causado grande preocupação entre os consumidores da empresa. 

De acordo com Infobae, a Shein emitiu um comunicado a afirmar que: “recentemente, vários vídeos foram publicados no TikTok contendo informações enganosas e falsas sobre a SHEIN. Queremos deixar bem claro que levamos as questões da cadeia de suprimentos muito a sério.” Este pode ser um dos motivos que causaram as perdas no negócio.

Nos últimos meses, vimos a Shein abrir inúmeras lojas na Europa. Este passo está diretamente ligado ao posicionamento da marca, ou seja, uma estratégia para reforçar a sua imagem de marca e tentar fazer com que os consumidores a vejam como algo mais do que uma loja online de roupas baratas.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada.

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba