A UE pretende proibir o reconhecimento facial em locais públicos

A União Europeia está a considerar a proibição do uso da tecnologia de reconhecimento facial em locais públicos por até 5 anos, a fim de avançar no desenvolvimento de soluções que evitem os riscos envolvidos.

Esta é uma das possibilidades incluídas no rascunho de um livro branco sobre Inteligência Artificial (IA), de Politico e Euractiv. O seu objectivo é fornecer uma “perspectiva europeia” que “promova o desenvolvimento e a adopção da IA em toda a Europa, assegurando ao mesmo tempo que a tecnologia é desenvolvida e utilizada de uma forma que respeite os valores e princípios europeus“.

O que é proposto neste livro branco é um aperto das condições que ele impõe aos desenvolvedores de Inteligência Artificial, na tentativa de garantir que a tecnologia seja utilizada de forma ética. A Comissão Europeia, o braço executivo da UE, está a finalizar uma série de novas regras aplicáveis a “sectores de alto risco” como a saúde e os transportes, e sugere que o bloco deve actualizar as leis de segurança e responsabilidade.

Este documento será apresentado em meados de Fevereiro, embora, segundo a agência norte-americana, a versão final seja susceptível de mudar. A principal intenção deste documento é que a UE tente competir contra os EUA e a China em Inteligência Artificial, mantendo ao mesmo tempo um uso ético de aspectos como a privacidade do utilizador.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Scroll to Top