Entre a grande maioria a Amazon é conhecida por ser uma plataforma de comércio eletrónico, uma espécie de retalhista, que aos longo dos anos tem vindo a conquistar cada vez mais usuários, com a expansão dos seus negócios. É talvez a retalhista online mais popular do mundo.

Segundo a Statista, na passada quinta feira, no seu evento de outono, a Amazon lançou uma inovadora gama de novos produtos de hardware, juntamente com o seu próprio serviço de jogos em nuvem, vincando assim as suas ambições de ser vir a tornar uma empresa de tecnologia de base ampla.


Embora o evento não superasse o do Apple, que ocorrera uma semana antes, este apresentava-se cheio de anúncios, destacando-se entre os muitos, não só a atualização da linha de Echo de alto-falantes inteligentes, mas também, a mais recente introdução de novos dispositivos de streaming Fire Tv, novos routers de Wi-Fi, bem como uma variadíssima gama de produtos de segurança da marca Ring, incluindo um drone autónomo para a habitação. É de realçar que de todas as novidades apresentadas pela Amazon, a que mais empolgou os utilizadores foi o anúncio do serviço de jogos em nuvem, baseado na AWS chamada Luna, juntamente com um controlador de jogos dedicado, para competir diretamente com o Stadia do Google e com os serviços de jogos xCloud da Microsoft.

A Statista apresenta ainda um gráfico onde comprova que o principal negócio das «lojas online» da Amazon, ou seja, as vendas de e-commerce reconhecidas em uma base bruta, representaram pouco mais da metade 51% das vendas totais nos últimos doze meses, com término em julho, com comissões cobradas de vendedores terceirizados, Amazon Web Services e serviços de assinatura respondendo pela maior parte dos 49% restantes das vendas.

Mantenha-se informado das notícias mais relevantes em nosso canal Telegram