O ecommerce na Alemanha poderá chegar aos 70 mil milhões de euros até 2019

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A Alemanha fechará 2019 com o seu comércio electrónico a aproximar-se da barreira dos 70 mil milhões. Espera-se um crescimento de 9%, 68 mil milhões de euros, até ao final de 2019. No ano passado, o comércio online do país já cresceu 9,1% e registou 63 biliões de euros.

A previsão vem da IFH Köln e é muito mais otimista do que as previsões anteriores da Handelsverband Deutschland, que previu que a indústria do retail online alemã valeria 58,8 ou mesmo 57,8 bilhões de euros.

A IFH Köln aponta que as taxas de crescimento online estão em declínio, enquanto o crescimento absoluto permanece estável. O crescimento absoluto foi de quase 5,5 mil milhões de euros em 2017, 5,2 mil milhões de euros no ano passado e deverá ser de 5,4 mil milhões de euros este ano.

De acordo com a IFH Köln, os motores de crescimento do negócio online, tal como nos anos anteriores, os bens de consumo de movimento rápido, o sector de bricolage e jardinagem e os bens domésticos e mobiliário. «O fraco crescimento dos mercados de moda e eletrónicos de consumo no setor retalhista como um todo também tem um impacto no comércio online«, explica o instituto alemão.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Lengua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
gdpr logdate ok:
Please don't insert text in the box below!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba