Será que o futuro chegou? Amazon One – o novo sistema que permite pagar com a palma da mão

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Existem cada vez mais formas de fazer pagamentos, desde aplicações como mbway até aos cartões contactless.

A Amazon não quer ficar atrás e está neste momento a testar uma nova forma de poder efetuar pagamentos – Amazon One é um sistema que recorre à palma da mão para autorizar as transações. 

Com o lema «Uma maneira de desbloquear o mundo, movido pela palma da mão», o Amazon One considera-se um serviço de identidade rápido, conveniente e sem contacto que usa a palma da mão – basta passar no dispositivo para entrar, identificar e pagar.

A nova tecnologia, presente em duas lojas Amazon Go em Seattle, permite que os clientes paguem pelos seus mantimentos ao digitalizar a palma da mão. Ao analisar o formato da mão e a sua identidade única, a Amazon afirma que a sua tecnologia pode verificar a identidade do cliente.

Fonte: Amazon

A Amazon defende que a palma da mão traz mais benefícios de privacidade em relação a outras tecnologias como o caso do reconhecimento facial, embora precise de construir uma plataforma ou banco de dados com informações de clientes.

Apesar do Amazon One ser inicialmente usado somente para pagamentos, a empresa de tecnologia tem ambições muito maiores para este hardware. Futuramente, o Amazon One poderá ser utilizado como um substituto para bilhetes em eventos musicais e desportivos.

Fonte: Amazon

Será que a palma da mão é segura?

Segundo a empresa, este tipo de autenticação biométrica é segura, já que cada pessoa tem características únicas na mão, criando uma espécie de “assinatura digital”. Noutras palavras, o Amazon One não é uma tecnologia de pagamento, é uma tecnologia de identidade.

O hardware do Amazon One verifica a identidade do cliente ao observar minuciosamente as características da sua palma, desde os detalhes da superfície da mão, como linhas e profundidade, até às características subcutâneas como os padrões das veias.

Usualmente, o scan das veias é feito usando luz infravermelha que penetra as camadas superficiais da pele, embora a Amazon não tenha mencionado essa tecnologia especificamente. A empresa refere que qualquer pessoa se pode inscrever no Amazon One ao inserir um cartão de crédito num dos seus scanners, número de telemóvel e de seguida posicionar a sua mão, qualquer uma delas, no scanner, identificando o cliente em segundos sem contato com a pele.

E os nossos dados, para onde vão?

As preocupações com um serviço como o Amazon One vão muito além da recolha de dados dos clientes. O que nos deve preocupar com esta tecnologia é a forma como ela vincula quem somos enquanto pessoas e o possível acesso a um histórico das nossas compras e transações semelhantes.

Fazendo uma comparação da Amazon One com uma tecnologia como o Face ID da Apple, que usa dados de reconhecimento facial para desbloquear o telemóvel e verificar pagamentos, mas mantém os dados biométricos no dispositivo. Ao manter os dados na nuvem, estamos a expor-nos a hackers e tal armazenamento de dados também nos torna mais acessíveis a terceiros interessados, como governos.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba