«Temos 5 brinquedos da  Science4you no #TOP10 de brinquedos educativos da Amazon.es»

Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en pinterest
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

A Science4you já é bem conhecida no mercado português, mas já vai além fronteiras, chegando a vários países da Europa. A marca de brinquedos científicos e educativos, criada por Miguel Pina Martins em 2008, surgiu de um projeto final de curso e de um investimento de apenas 1125€.  

Atualmente a marca com mais de 10 anos continua a inovar e estar atenta ao paradigma atual, investindo em brinquedos sustentáveis e no seu canal online. Para conhecer um pouco melhor a situação da empresa e como atravessaram estes dois últimos anos falámos com o CEO, Miguel Pina Martins.

Ecommerce News Portugal (EcN): Mais um ano de pandemia. Com 2021 quase a terminar, qual é a vossa reflexão em  relação ao ano que passou? 

Miguel Pina Martins (MPM): O ano de 2020 foi muito difícil para todos os negócios e particularmente para a indústria dos  brinquedos. Tivemos dois grandes desafios. Com o retalho parado e as nossas lojas físicas  fechadas, foi tempo de apostar na nossa loja online. Além disso e para fazer face à escassez de  material de proteção, percebemos que havia oportunidade de usar os óculos de proteção dos nossos kits de química e ainda usar as nossas máquinas de enchimento para produzir álcool gel.  Diria que a maior reflexão deste ano é a capacidade de reinventar e inovar mesmo em tempo de  pandemia e crise de recursos. 

EcN: Como vos afetou os problemas de abastecimento que se têm sentido? Qual a  vossa abordagem à logística? 

MPM: A pandemia veio afetar diversos setores, entre eles o da logística. Temos vindo a trabalhar nos  últimos anos para diminuir a dependência direta do mercado asiático. Contamos com alguns  fornecedores intracomunitários que sofreram na cadeia de fornecimento, o que posteriormente  afetou alguns lead times produtivos e de entrega. Com a crise nos transportes de mercadorias e a dificuldade de circulação entre fronteiras, tivemos alguns clientes com dificuldade em retirar material do nosso armazém. 

EcN: Entre as novidades que apresentaram este ano, uma delas foi o acordo com a Glovo para fazer a entrega dos vossos produtos. Sentem que existe uma demanda crescente pelas soluções de quick commerce? Consideram que é uma tendência  crescente para as marcas? 

MPM: O consumidor em geral está cada vez mais exigente e essa exigência nota-se em todos os  sentidos: no próprio produto, no seu benefício, na qualidade e sobretudo no timing de entrega. A  pandemia tornou-se um acelerador do e-commerce e esta é uma tendência que veio para ficar e  para a qual trabalhamos todos os dias para acompanhar. 

EcN: O vosso produto é muito direcionado para crianças e para a educação. Qual o  vosso posicionamento em relação à sustentabilidade e à educação para a  sustentabilidade? 

MPM: A inovação está no ADN da Science4you e por isso apostamos fortemente na criação e  desenvolvimento de várias novidades durante o ano. Temas como a sustentabilidade estão no  topo das nossas prioridades e por isso em 2019. Uma linha cheia  de kits educativos de temas ecológicos que incentivam a uma aprendizagem mais consciente, permitindo que as crianças se divirtam enquanto aprendem sobre temas de enorme  relevância. Exemplo de sucesso é o Green Science, o primeiro kit científico sem plástico  nomeado para o Toy Award 2020 pela maior Feira Internacional de Brinquedos de Nuremberga. 

Estamos também a fazer um esforço para reduzir materiais de single use como o plástico nos  nossos conteúdos. A mudança deve ser feita aos poucos de forma consciente e estamos focados  para caminhar a passos largos para essas mudanças. 

Recentemente estamos a apostar em transformar uma parte do nosso manual educativo físico,  em formato online, mantendo toda a componente educativa e de apoio à realização das  atividades do brinquedo, mas reduzindo o uso de papel. 

EcN: Em relação aos vossos números, qual a percentagem de vendas pelo canal online? 

MPM: O canal online teve um enorme papel durante o lock down. Nestes dois anos registou-se um  crescimento de 300% nas vendas online. Este canal revelou-se importantíssimo para o nosso  negócio, ainda mais depois do fecho das nossas lojas físicas. Só o canal online representa quase 20% das nossas vendas e é por isso que estamos a investir nele para melhorar a experiência do  nosso consumidor nas nossas plataformas. 

EcN: Qual a importância da entrada num marketplace como a Amazon? 

MPM: Temos vindo a crescer bastante na Amazon pelo que este canal tem já uma expressão considerável nas nossas vendas. Estamos presentes na plataforma Amazon em diversos países da Europa como França, Alemanha, Itália, Holanda, Reino Unido, mas aquela em que temos grande destaque é mesmo a Amazon Espanha. Em pleno pico de Natal temos 5 brinquedos da  Science4you no #TOP10 de brinquedos educativos da Amazon.es. 

Estar presente na Amazon é só por si uma forma de continuar a internacionalizar e fazer crescer  a nossa marca. Este é um crescimento facilmente escalável, ainda para mais por ser um esse  trata de um dos maiores retalhistas do mundo! 

EcN: Como são as vossas vendas a nível internacional? 

MPM: A Science4you é muito forte internacionalmente. As vendas internacionais representam mais de  metade da nossa faturação. Exportamos atualmente para mais de 35 países! 

EcN. Quais as previsões para 2022 enquanto empresa e para o e-commerce em Portugal? 

MPM: Prevemos aumentar as nossas vendas online. Estamos a investir neste canal que se tem vindo  a revelar cada vez mais importante no nosso negócio. Iremos continuar a explorar mercados  internacionais, maioritariamente através da Amazon. Planeamos ainda desenvolver novos  modelos de venda como a subscrição de serviços online (lançámos este ano o Inventors Club).

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!
Compartir en facebook
Compartir en twitter
Compartir en linkedin
Compartir en pinterest
Compartir en whatsapp
Compartir en telegram
Compartir en email

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba