A novidade surgiu numa nota enviada aos milhões de utilizadores do WhatsApp ao redor do globo. Com várias críticas à mistura, a mensagem pediu que os utilizadores aceitassem os novos termos de serviço, sob pena de não poderem voltar a usar a aplicação.

O Whatsapp vai passar a permitir publicidade e eCommerce na app pela primeira vez. Com a atualização dos termos de serviço, a app vai também partilhar mais informações com o Facebook dado que o Facebook tem como objetivo monetizar o WhatsApp.


A intenção é permitir que as empresas entrem em contacto com os seus clientes através da plataforma, autorizando a venda de produtos diretamente através do serviço.

“A política de privacidade e as atualizações dos termos são comuns no sector e estamos a fornecer aos utilizadores um amplo aviso para reverem as alterações, que entrarão em vigor a 8 de fevereiro. Todos os utilizadores terão de aceitar os novos termos de serviço se quiserem continuar a usar o WhatsApp”, afirmou um porta-voz do Facebook.

Mantenha-se informado das notícias mais relevantes em nosso canal Telegram