eDreams ODIGEO ganha 281,2 milhões de euros no primeiro semestre, mais 5% que no período homólogo

A eDreams ODIGEO, a maior agência de viagens online da Europa e uma das maiores empresas europeias de comércio electrónico, com 18 milhões de clientes, encerrou o primeiro semestre do seu ano fiscal a 30 de Setembro com uma margem de receita de 281,2 milhões de euros, o que representa um aumento homólogo de 5%. Estes resultados atendem às previsões da empresa para o período e confirmam as expectativas para o ano todo, já que a estratégia de negócios continua a ser implementada e a diversificação de receitas impulsiona os resultados.

O CEO da eDreams ODIGEO, Dana Dunne, afirmou: «Temos o prazer de apresentar resultados sólidos, em linha com as expectativas. Continuamos a fazer progressos, alavancando as nossas forças para trazer valor aos clientes, à empresa e aos acionistas. A nossa estratégia está a dar frutos, já que estamos a fortalecer um modelo de negócios eficaz, previsível e diversificado, que gera bons resultados de EBITDA e fluxo de caixa livre, para reinvestir num crescimento sustentável de longo prazo, suportado por uma forte demonstração de resultados. Por outro lado, o nosso revolucionário e exclusivo programa de assinatura, Prime, está a ter grande sucesso e está a crescer rapidamente, e atualmente ultrapassa 450.000 assinantes nos nossos quatro principais mercados».

Análise de resultados financeiros:

Durante a primeira metade do ano, registaram-se progressos contínuos. As reservas cresceram novamente no segundo trimestre, 2%, e no primeiro semestre do ano fiscal atingiu 5,8 milhões de euros, mais 0,4% do que no mesmo período do ano anterior. Esta cifra deve-se à transformação do modelo de receitas, que em alguns mercados foi concluído há menos de 12 meses e, portanto, os seus resultados ainda não correspondem a um período completo desde a migração. A empresa está focada na construção de um negócio sustentável de alta qualidade.

O saldo de caixa (descobertos bancários) ascendeu a 91,4 milhões de euros, depois de ter recuperado 34% em comparação com 68,2 milhões no primeiro semestre. O bom resultado em dinheiro é devido a:

  1. Fluxo de caixa líquido das atividades operacionais, que aumentou
    26,2 milhões, principalmente devido a saídas menores de caixa do fundo de maneio, uma redução no pagamento do imposto sobre o rendimento, um aumento no EBITDA ajustado e um aumento nas remessas não monetárias.
  2. O dinheiro proveniente das actividades de investimento, no valor de 14,1 euros, em linha com o mesmo período do ano passado.
  3. Os fundos provenientes das actividades de financiamento, que ascenderam a 14,6 milhões contra 35,4 milhões de euros no ano anterior.

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER

INSCREVA-SE
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório
Email: *
Língua: English (English) Português (Portugese) Español (Spanish) *
Nome: *
Empresa: *
Cargo:
Sector:
Aceito receber a newsletter e as comunicações da Ecommerce News de acordo com a Política de Privacidade:
Aceito receber comunicações comerciais:
GDPR logdate ok:
Please don't insert text in the box below!

Deixe um comentário

Tu dirección de Email no será publicada.

PODE GOSTAR

POSTS MAIS RECENTES

Pode interessar-lhe

JUNTA-SE A NÓS?

POSTS MAIS COMENTADOS

Ir arriba