A Samsung Electronics é uma marca de tecnologia reconhecida mundialmente. Em Portugal a empresa tem um novo marco, está oficialmente aberta a sua loja online. Na Ecommerce News tivemos oportunidade de estar em contacto com o responsável pelo Ecommerce, Bhupendar Singh, antes e depois do lançamento da loja online.

Ecommerce News (EcN): Em que canais online (loja online, mercados…) está a Samsung Portugal presente? Que peso pode cada um deles ter?

Bhupendar Singh (BS): Em Portugal temos parcerias no grande retalho o que nos permite estar em vários canais. Em relação ao online não somos pure players, ou seja, ainda não temos este canal aberto. Vamos lançar esta semana a nossa loja online, o que significa que no futuro vamos ter um acesso direto ao consumidor por esse canal. O peso maior será sempre para o grande retalho, os operadores têm algum peso porque o mix de produtos que temos inclui o mobile, neste cado os telefones/telemóveis e terminais, representam quase 70 % do peso.

Ecommerce News (EcN): Que quota de mercado têm em Portugal?

Bhupendar Singh (BS): Os produtos que consideramos estratégicos como televisão, terminais e eletrodomésticos como frigoríficos e máquina de lavar temos uma quota de mercado entre 14% a 15%. É uma das marcas que tem algum destaque de marketshare do mercado feito pelos retalhistas e parceiros.

Ecommerce News (EcN): Fizeram algum tipo de preparação antes deste lançamento? Qual a importância do canal online em Portugal?

Bhupendar Singh (BS): Lançámos uma plataforma anteriormente para os nossos empregados e para os empregados de alguns parceiros para que eles possam adquirir os nossos artigos através deste canal. Lançámos há cerca de dois anos atrás para poder aprender a lidar com o consumidor final. Não seria normal a Samsung lidar diretamente com o consumidor final, por isso temos esta estratégia e lançamos agora a nossa loja online não só para empregados e parceiros, mas para o publico geral.

Ecommerce News (EcN): Qual a importância do canal online em Portugal?

Bhupendar Singh (BS): O canal online é uma das áreas estratégicas da Samsung Global, mas neste momento em Portugal ainda é pouco significativo. Existem países com uma situação muito diferente de Portugal, onde têm quase 40% de compras online e 60% offline. Em Portugal não se encontram estes valores, mas conforme os dados que temos visto as compras online feitas por nacionais está a crescer exponencialmente. Para nós é muito importante e  temos uma grande base de dados através da samsung.com, os membros da Samsung que se registam, e do nosso site que tem uma visita média de 300 000 utilizadores por mês, um valor que é bastante forte em Portugal, o maior talvez, não sei se há maior que na nossa página. Por isso temos todas as condições, não só hoje, mas no futuro para acreditar que dar diretamente ao consumidor será um sucesso.

EcN: Como usam as redes sociais na vossa estratégia? Quais as mais importantes?

BS: As mais importantes são o Facebook e ultimamente o Instagram, que tem sido bastante procurado.  Utilizamos estas plataformas para atrair os nossos clientes, para ter engagement com os mesmo. Nas nossas várias estratégias nas redes sociais contemplamos a possibilidade de conviver com os clientes, de eles poderem partilhar as ideias e fotos connosco e com o mundo.

EcN: Como aplica o BigData na sua estratégia de Customer Centric?

BS: O BigData é o mais importante. Nós temos um programa, o CDM. O CDM gere todo o Bigdata. Nós temos uma grande base datas no adobe e utilizamos para estabelecer uma ligação direta com os consumidores através do Bigdata.

EcN: Em relação à BF e ao Natal, que ações a marca pretende realizar?

BS: Nós não aplicamos diretamente. A implementação destas épocas é da responsabilidade dos nossos parceiros no retalho. Ainda não temos esse plano porque para nós o importante não é o promocional, mas sim a experiência, engagement com os clientes e essa área é a nossa estratégia. Vamos comunicar a nossa proposta de valor aos membros da Samsung através do newsletter durante as próximas semanas com alguns benefícios interessantes.

EcN: Têm ferramentas de Inteligência Artificial no vosso site? Talvez no motor de busca? Como é que isso ajuda a melhorar as vendas?

BS: É uma área muito importante e neste web Summit deve ter notado, a Samsung estava muito envolvida nesta área de inteligência artificial, mas agora se já está refletido na nossa loja online ainda é cedo para dizer, mas seguramente que o caminho é esse. O nosso site tem algum componente de inteligência artificial, é capaz de segmentar, fazer upselling, juntar os produtos, mas não sou o especialista nesta área.

EcN: Que importância dá à homepage na sua estratégia de produto?

BS: A homepage é fundamental para nós, como disse temos acima de 300 000 visitantes por mês, toda a nossa divulgação é cada vez mais baseada na nossa homepage. Neste momento quase todo o centro de comunicação é através desta página.

EcN: Como funcionam as estratégias de Life Time Value dos seus clientes?

BS: A Samsung vende artigos que têm vida e experiência alargada, por isso é muito importante que os nossos clientes lidem com os nossos produtos todos os dias e que estes façam parte da sua vida diária, ao mesmo tempo que temos engagement constante com os eles. O produto, a sua vida útil e a relação do último com o preço é fundamental. Os produtos com um prazo médio de 2/3 anos ainda estão atualizados, mas obviamente que lançamos sempre uma gama nova.

EcN: Qual é o carrinho e o bilhete médio da Samsung em PT?

BS: O preço médio anda à volta dos 400 euros considerando artigos desde telemóveis até micro-ondas.

EcN: É possível que o ticket medio aumente na loja online?

BS: Esse é o nosso objetivo. Mais do que vender um produto, vender um ecossistema. Um cliente, em vez de comprar somente um telemóvel, poderá comprar um telemóvel, os seus acessórios, um sistema.

EcN: Entregas Gratuitas?

BS: As entregas serão gratuitas sim.

EcN: Como funciona a sua logística de ecommerce?

BS: O nosso parceiro é a Rangel, há muito mais que 20 anos e acreditamos que eles vão prestar um bom serviço. Farão entregas ao domicílio, instalação, recolha dos artigos antigos e teremos uma política de devoluções conforme o mercado exige. O nosso stock também fica à responsabilidade do nosso parceiro.

EcN: E quanto aos métodos de pagamento? Quais são os mais recorrentes?

BS: Obviamente que multibanco e cartão de crédito são opções, mas estamos a trabalhar na possibilidade de no futuro oferecer aos nossos clientes pagamentos em prestações. Também estamos a pensar em TradeIn, troca dos artigos através do site. Estamos a pensar implementar este projeto na próxima fase. Clic para tuitear

EcN: Como foi o lançamento da loja online? O que nos pode dizer?

BS:O lançamento da loja online foi sem qualquer problema técnico ou processual. Não queríamos fazer um lançamento muito notório para evitar qualquer conflito com os nossos parceiros que estão empenhados em promover os nossos produtos durante esta época de Black Friday e Cyber Monday. Queríamos testar as capacidades tecnológicas e fluxo logístico, que foi um sucesso.

EcN: Que dados nos pode fornecer sobre o lançamento da loja online?

BS: Estamos a promover um pack premium do 10º aniversário da família Galaxy. Os modos de pagamento estão a funcionar sem qualquer problema e já estamos a entregar os nossos produtos. Temos um plano media e vai ser notado durante próximas semanas.

Mantenha-se informado das notícias mais relevantes em nosso canal Telegram